A HUMANIDADE LHE CHAMA, NÃO LHE DE AS COSTAS

Ei

Quais são as recordações das infâncias de vocês?

Bom!!!  Vou falar da minha. FOI MARAVILHOSA. Tive tudo que uma criança precisa.  Uma mãe que me amava loucamente, uma avó que assim como minha mãe, me amava absurdamente. Ah… e meu avô! Que camarada fantástico, divertido, amigo, doido, que fazia os brinquedos mais sensacionais do mundo utilizando madeira, que zelava e cuidava de mim. Minha irmãzinha querida, parceira de crime e de fugas, meu grande amor. Um pai parceiro de Mineirão.            

Tive os melhores amigos e eram tantos. Brincávamos na rua de bola, rouba bandeira, escapada, mamãe da rua, pegador, as vezes saíamos na porrada e no minuto seguinte nem lembrávamos.

Pude ir a escola, sentar numa sala de aula, aprender, bagunçar, tomar esporro, ocorrência, facada, suspensão, tudo que um aluno levado costuma e merece fazer.

Poxa, MINHA INFÂNCIA FOI SENSACIONAL.

E sabe porque tudo que eu citei foi possível? Porque eu tinha saúde! Eu não tive de nenhuma enfermidade que me impediu de ter uma infância fantástica, uma infância que toda criança merece ter. (tirando as pernas tortas e os óculos fundo de garrafa, que me custaram muitas zoeiras).

Agora pense. Quantas crianças não podem desfrutar da melhor fase da vida? Porque infelizmente não tiveram a mesma sorte que eu tive! De ter saúde!

Pensem nas crianças que estão hospitalizadas, com doenças severas, que não dão folga, que causam dores. Que obrigam os pequeninos a tomarem medicamentos terríveis, que lhes causam náuseas, vômitos, efeitos colaterais terríveis.

Doenças que lhes tiram o direito de aproveitar o que nós, seres humanos, temos de melhor, o direito de sermos crianças.

Portanto amigos, Vocês que compartilham tantas futilidades, tantas coisas que muitas vezes corrompem os nossos pequenos, publicações recheados de deboches contra minorias, mulheres, gays e todo tipo de pessoa que vocês julgam não fazerem parte da sua “tribo”, EU LHES IMPLORO.

Lembre-se da sua infância, como foi fantástica e pense naqueles que estão agora no hospital, sofrendo, contando com a sua SOLIDARIEDADE, COM SEU AMOR AO PRÓXIMO, COM SUA DIGNIDADE E HUMANIDADE, para que talvez, leiam bem, TALVEZ, eles tenham uma chance de vencer suas sentenças de morte.

Portanto mais uma vez lhe imploro, ajude a Sarinha, se cadastre como doador de medula, compartilhe os vídeos da princesa. Ela não quer o seu dinheiro, ela quer um pedacinho de você para ela sobreviver.

Já pensou o quanto isso é honrado?

A Sarinha conta com vocês.

Comentários

Comentários

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta