Francisco

franciscoBom, hoje vou começar contando a história do meu irmão Francisco Milanez Rodrigues que nasceu no dia 18 de Agosto de 2008. Ele sempre foi um menino alegre e esperto (até demais, rs). Antes de completar um mês de vida, foi realizado o teste da orelinha e não teve resposta, a partir daí começou toda uma corrida em busca de um diagnostico. Com 9 meses foi diagnosticado com surdez profunda neurosensorial bilateral e logo recebeu seus primeiro aparelhos auditivos.

No começo foi tudo muito novo pra todos e ficamos um pouco desesperados, pois ainda não sabíamos da tecnologia do implante coclear (esse site explica tudo direitinho pra quem se interessar http://implantecoclear.net/), mas depois de correr muito atrás com as graças de Deus o meu irmão conseguiu a cirurgia pelo SUS e foi operado em Bauru – São Paulo, e foi implantado quando tinha 1 ano e 2 meses de idade.

Nunca foi fácil! Teve o desespero da descoberta da surdez, mas depois o alivio de descobrir o implante e junto com ele o medo da cirurgia, mas um mês após a cirurgia tivemos a maior alegria da vida que foi ver uma criança, que foi diagnosticada com surdez profunda, ouvindo.

Neste momento ele já fazia acompanhamento com fono no CEMEAR, que é uma clinica que da assistência a deficientes auditivos (tá aqui o site pra quem se interessar também http://www.cemear-mg.org.br/wordpress/). Até hoje ele faz terapia nessa clinica. As conquistas e vitorias são visíveis a cada dia que passa.

Hoje ele é oralizado e agora também faz libras, pois é importante para a construção da sua identidade enquanto surdo.

Mas infelizmente essa semana aconteceu algo que não estávamos esperando, o aparelho externo que ele usa estragou. Mandamos para a assistência técnica (que fica em São Paulo, e só conhecemos esse lugar que mexe com aparelho do tipo que ele precisa usar), mas não temos previsão de quando ficará pronto e não sabemos se tem como arrumar.

Bom, somos gratos o bastante por tudo que tem acontecido com ele e por tudo que já conseguimos, mas o SUS não da assistência, ele apenas implanta o aparelho e isso chega a ser um descaso com os deficientes auditivos, ou seja, qualquer peça que estrague precisamos pagar por outra ou pelo conserto (lembrando que é extremamente caro o aparelho e a manuntenção).

Fizemos o contato com a empresa representante do aparelho hoje, 19 de maio de 2016, e descobrimos que o aparelho que o meu irmão precisa custa R$ 26.000,00 e um outro mais avançado custa 32.000,00. Simplesmente isso aconteceu em um momento que não temos condições de pagar e em Belo Horizonte não temos como conseguir um outro aparelho pelo SUS. Então eu venho pedir uma ajuda (qualquer ajuda mesmo!), seja uma oração para que Deus faça um milagre e nos dê mais uma gloria que é conseguir o aparelho pelo SUS, seja você que tem algum contato que vai ajudar o Francisco a estar mais perto de conseguir um aparelho, seja você que não pode ajudar financeiramente, mas conhece pessoas que tem essa condição e que podem ajudar no momento. Bem, é um pedido de socorro mesmo, pois se ele ficar muito tempo sem aparelho ele acaba perdendo tudo o que ele aprendeu nesses quase 7 anos e isso será um retrocesso no tratamento dele.

Bem, nos ajude a voltar a ouvir a voz do Francisco, nos ajude a ver a criança maravilhosa, cheia de luz, alegre e esperta que ele é.

Tenho certeza que Deus estará abençoando tanto a minha família, quanto vocês que estão fazendo o que podem para nos ajudar.

Muito obrigada, do fundo do meu coração (até por ler essa história até aqui), vocês não tem noção da importância que isso é pra ele e pra nós.

Pra quem não conhece nosso Francisco (deveriam conhecer, pois ele é um amor), tem umas fotos dele desde novinho até hoje, aqui. 🙂

ps: tá aqui o link da vakinha pra quem puder ajudar  https://www.vakinha.com.br/vaquinha/aparelho-do-francisco e a conta também:

Banco: CAIXA

Nome: Silvana Felix da Silva

Agencia: 0091

Operação: 013

Conta Poupança: 00123757-6

Obrigada! <3

‪#‎JuntosPeloFrancisco ‪#‎AjudeFrancisco

Comentários

Comentários

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta