Partiu Miami

aviao.matheusLá se foi embora o heroizinho. Um metro e pouquinho, mas não se iludam, ele é um gigante no quesito coragem.

Matheus vem literalmente atropelando todas as dificuldades, que insistem em persegui-lo desde o dia que veio ao mundo.

A sua enfermidade, a displasia neuronal, doença rara, de nome complicado e de grande severidade, que parou o intestino do guerreiro, não foi capaz de domar a vontade de viver de Matheus. Ele tripudia de suas limitações, opa!!! Que limitações? Ele não as conhece, não as respeita, sapateia em cima delas, tudo com muito bom humor.

O carisma do heroizinho é contagiante, tanto, que bastou ele aparecer uma única vez na TV, foi em uma reportagem da Globo, que mostrou como foi a sua alta do hospital, depois de ficar um ano todo internado e pronto!!! O guerreirinho virou “coqueluche”.

O naniquinho com sua pureza criou uma onda gigantesca de solidariedade que inundou a nossa Belo Horizonte. Logo o seu caso ultrapassou as montanhas de Minas Gerais e ganhou o mundo.

Rivais no futebol, artistas, músicos e principalmente pessoas anônimas, se uniram para angariar fundos, com o objetivo de mandar Matheuzinho para Miami. Isso mesmo e lá em terras Americanas que está a sua cura, um difícil e complicado transplante de intestino.

Em uma semana de doações em prol do garoto, foram arrecadados um valor que girava em torno de 700 mil reais, muito, mas não o suficiente para o tratamento do heorizinho. Ainda era preciso levantar 3 milhões e 300 mil reais, sim, 4 milhões. Valor total cobrado pelo hospital americano para o procedimento médico que daria a possibilidade de cura ao Matheus.

E como Deus não abandono ninguém, muito menos os seus anjos, o heroizinho que já tinha ao seu lado um “mundo” de admiradores, que trabalhavam arduamente para conseguir recursos para sua cura, conseguiu mais um forte e decisivo aliado, a justiça brasileira.

O seu advogado, o Dr José Antônio Guimarães Fraga, trouxe a notícia que todos aguardavam e esperavam ansiosamente. O Juiz federal da 21ª Vara de Minas Gerais, em Belo Horizonte, Daniel Carneiro Machado, determinou que a Advocacia-Geral da União (AGU) providenciasse o necessário para que o Matheus, viajasse para Miami, nos Estados Unidos, para fazer o seu tão sonhado transplante de intestino no Jackson Memorial Medical.

VITÓRIA

E lá se foi o heroizinho, hoje, dia 24 de junho de 2016, Matheus e sua mãe Gecilene, uma verdadeira Valquíria, partiram para Miami.

Depois de viver uma odisseia em busca do seu sonho, ficar livre de suas amarras, Matheus agora tem novos desafios. Apesar de tudo que já passou em seus poucos anos de vida, 7, ele ainda tem muito que lutar. O procedimento médico que ele vai ter que passar é muito complicado e delicado, a recuperação não é nada fácil… Motivos para preocupações para quem torceu para esse ferinha até agora, são vários, mas…

Matheus é um herói, um heroizinho, cheio de poderes, que serão colocados mais uma vez a prova.

E alguém tem dúvida que esse guerreiro vai vencer essa batalha?

Logo ele estará de volta, para contar suas aventuras, em terras do povo que fala uma língua estranha.

Vai com Deus Matheuzinho e boa sorte, daqui vamos mandar para você muita energia positiva, uns estarão em oração, outros rezando, cada um com sua fé, mas com certeza, estaremos todos desejando e torcendo por sua cura.

Como ele disse uma vez: “Eu vou viver para sempre”. Você vai Matheus, você já vive, você já está no coração de uma infinidade de admiradores que você conquistou.

Comentários

Comentários

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta